13 de Maio de 2017 - Folha Patosense e Rodrigo Cézar Limeira - (460 acessos) Comentário

Barragem da Farinha está com apenas 14% de sua capacidade

Segundo a Agência Estadual de Gestão das Águas da Paraíba (AESA)  A Barragem da Farinha, em Cacimba de Areia, cuja capacidade é de 25.738.500 m³ d’água, está com 3.604.085 m³, o que corresponde a 14,% da sua capacidade. Os dados são do dia 10 de maio.

O Açude do Jatobá, em Patos, cuja capacidade é de 17.516.000 m³ d’água, está com 814.001 m³, o que corresponde a 4,6% da sua capacidade. Os dados são do dia 19 de abril.

A Barragem da Capoeira, em Santa Terezinha, cuja capacidade é de 53.450.000 de m³ d’água, está com 7.771.791 m³, o que corresponde a 14,5% da sua capacidade. Os dados são do dia 19 de abril.

O Açude Engenheiro Arcoverde (Açude de Condado), cuja capacidade é 36.834.375 de de m³ d’água está 6.632.452 m³, o que corresponde a 18% da sua capacidade. Os dados são do dia 10 de maio.

O Açude Cachoeira dos Cegos, em Catingueira, cuja capacidade é 71.887.047 de m³ d’água, está com 15.590.301 m³, o que corresponde a 21,7% da sua capacidade. Os dados são do  dia 10 de maio.

Essa situação de seca hídrica nos grandes reservatórios da região de Patos, confirmam a previsão realizada em Dezembro de 2016 pelo físico e meteorologista Rodrigo Cézar Limeira, além disso o pesquisador alerta que é provável que um novo episódio do fenômeno El Niño se configure no final de 2017, fato que pode fazer com que a maioria dos grandes açudes que abastecem as cidades do semiárido da Paraíba, possam armazenar pouca água em 2018, pontua.

Social:

27 de Junho de 2017

Publicidade

Visitas até o momento